Nossa História com os Labradores

“Um cão não precisa de carros modernos, palacetes ou roupas de grife. Símbolos de status não significam nada para ele. Um pedaço de madeira encontrado na praia serve. Um cão não julga os outros por sua cor, credo ou classe, mas por quem são por dentro. Um cão não se importa se você é rico ou pobre, educado ou analfabeto, inteligente ou burro. Se você lhe der seu coração, ele lhe dará o dele.”

Trecho do livro: Marley & Eu (pg. 258) – John Grogan – Prestígio Editorial

Decidi começar com esse pequeno texto, pois acho que ele resume com muita propriedade nossa percepção do que representam os labs em nossa vida. Muito mais do que um amigo e companheiro, alguém que te amará incondicionalmente para o resto da vida. Alguém que estará sempre disposto a te dar carinho e amor. Assim é a vida ao lado de um labrador. A melhor parte do meu dia é quando chego em casa e vejo o brilho nos olhos e a alegria dos meus cães somente porque eu cheguei. É como sempre digo: “Isso não tem preço!”

Não há como contar o início de nossa história com os labradores sem contar um pouco da nossa história de vida, pois as duas se misturam. Eu e meu marido Márcio sempre fomos apaixonados por cachorros, muito antes sequer de nos conhecermos. É claro que naturalmente após nos casarmos, a vontade de ter nossos cães se tornou cada vez mais forte. Em dezembro de 2006 nos mudamos para uma casa e então foi possível realizar o grande sonho. Em 26 de dezembro deste ano, chegou o melhor presente de Natal que já ganhei até hoje: Perfect Lab Pink Legend Show Hunter.

Após a chegada da Pink, a admiração e o amor pela raça só aumentaram e achamos que estava na hora de dar um passo a frente. Decidimos ter nosso próprio canil e daí nasceu o MagnaLab.

Depois da Pink, veio a Perfect Lab Julia Roberts, co-propriedade com o Canil Perfect Lab. Passado algum tempo chegou Sairbanks Darla Black e começava a se desenhar o nosso plantel. O tempo passou, tivemos nossa primeira ninhada e chegou a Alycia. Depois vieram Big Boy e Dumbledore.

Essa ainda é o começo do que esperamos que seja um longo caminho. Já aprendemos muito e ainda temos muito a aprender. O MagnaLab é o símbolo de um ideal e de um sonho de vida para nós. Esperamos com muito empenho e dedicação poder dar nossa pequena contribuição a essa raça que tanto amamos.

Bruna & Márcio Portilho